Secretaria de Educação a Distância
  • Aula Inaugural do Curso de Formação em Marketing Digital

    Publicado em 16/10/2017 às 13:26

    Foi realizada na última terça-feira, dia 10 de outubro de 2017, na sala de reuniões e videoconferência da SEAD,  a aula inaugural do Curso de Formação em  Marketing Digital.

    A aula foi gravada e transmitida via streaming e contou com a presença dos professores Julio Monteiro Teixeira e Israel Braglia, do monitor Murilo Hiratomi e com o apoio técnico da SEAD.

    O Curso na modalidade a distância é promovido pela SEAD/UFSC em parceria com a Tekoa.


  • Falece o reitor da UFSC Luiz Carlos Cancellier de Olivo

    Publicado em 02/10/2017 às 16:35

    A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) informa, com pesar, o falecimento do reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo, na manhã desta segunda-feira, 2 de outubro.

    Pró-reitorias e Secretarias da Administração Central paralisaram as atividades a partir das 11h, em função do trágico acontecimento.


  • UFSC e Educação a Distância: uma relação de longa data

    Publicado em 29/09/2017 às 23:20

    O ensino não presencial existe há muito tempo, viabilizado, primeiro, por correio e, no século XX, por rádio e televisão. Contudo, somente com a revolução das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs), as redes e computadores e os novos canais de comunicação romperam definitivamente as barreiras de tempo, espaço e público-alvo. Essa verdadeira revolução ocorrida nas últimas décadas teve uma história particular na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

    Leia toda esta história, clicando neste link AQUI
    Fonte: http://noticias.ufsc.br/2017/09/ufsc-e-educacao-a-distancia-uma-relacao-de-longa-data/


  • Comunicado

    Publicado em 19/09/2017 às 12:32

    Prezados Alunos, Tutores e Professores dos cursos UAB/UFSC

    Como é do conhecimento de todos fomos surpreendidos na quinta feira passada (14/09/2017) por uma ação do MPF e da PF na Universidade. Estamos buscando verificar a situação dos diferentes cursos e envidando todos os esforços para que as atividades acadêmicas continuem normalmente.

    Por ora as atividades estão mantidas, com as condições possíveis no sentido de respeitar o compromisso da UFSC e preservadas as expectativas dos milhares de alunos,  docentes e tutores envolvidos com este fundamental projeto de oferta de formação pública,  gratuita e de qualidade.

    Atenciosamente

    Gregorio Varvakis
    Secretário de educação a distancia – Pro tempore


  • Nota Oficial

    Publicado em 14/09/2017 às 22:36

    Nota oficial da Administração Central da UFSC

    A Administração Central da UFSC por meio da presente manifestação, reitera a posição expressa em nota pública divulgada na manhã desta quinta feira, 14 de setembro, quanto à operação da Polícia Federal que culminou na prisão do reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo e outros quatro docentes da Instituição. Esclarecemos ainda que:

    1. O objeto principal do inquérito policial são denúncias de possíveis irregularidades na gestão de projeto de educação a distância vinculado ao Programa UAB (Universidade Aberta do Brasil) financiado pela CAPES e executado na UFSC desde 2006;
    2. As informações de que a investigação apura eventual desvio de R$ 80 milhões são equivocadas. Segundo a própria decisão judicial, o valor sob suspeita de eventual irregularidade é de R$ 515.392,00 (quinhentos e quinze mil, trezentos e noventa e dois reais) relativos aos anos de 2011 e 2015, portanto anteriores à gestão do reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo, iniciada em maio de 2016.
    3. Do total de R$ 515.392,00, R$ 319.622,00 são referentes a pagamento de bolsas, objeto da investigação;
    4. A própria CAPES, em sua página oficial, esclarece que a Polícia Federal investiga supostas irregularidades no programa Universidade Aberta do Brasil (UAB) junto à Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que é executado desde 2006. A atual gestão tomou conhecimento, pelo corregedor da UFSC, das denúncias na referida instituição em maio de 2017. A CAPES solicitou acesso à apuração, mas não obteve resposta da corregedoria daquela universidade.
    5. A Corregedoria Geral da UFSC, criada em abril de 2016, é órgão integrante da Reitoria, subordinando-se diretamente ao reitor em todas as matérias administrativas, na condição de secretaria especial. Todas as medidas adotadas pelo Reitor quanto a processos conduzidos no âmbito da Corregedoria limitaram-se às prerrogativas próprias da função de autoridade máxima da Instituição;
    6. O reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo prestou todos os esclarecimentos requeridos em depoimento ao longo do dia à Polícia Federal, apresentando-se inteiramente à disposição das autoridades, bem como também foram realizadas todas as diligências necessárias nesta Instituição, razão pela qual aguardamos o retorno do reitor ao convívio acadêmico com a máxima brevidade;
    7. Por fim, expressamos nosso respeito às instituições de estado, tenham elas status de apuração, investigação e correição, na defesa intransigente da autonomia universitária e da rigorosa apuração de irregularidades no estrito limite da observância dos princípios republicanos e democráticos.

    Florianópolis, 14 de setembro de 2017
    Fonte: http://noticias.ufsc.br/2017/09/administracao-central-emite-nova-nota-oficial-sobre-operacao-da-policia-federal/


  • Nota de Esclarecimento da CAPES

    Publicado em 14/09/2017 às 22:16

    A propósito da operação da Polícia Federal, que investiga supostas irregularidades no programa Universidade Aberta do Brasil (UAB) junto à Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior (CAPES) informa que o programa é executado desde 2006. A atual gestão foi assumida em junho de 2016 e, esclarece que, em maio de 2017, tomou conhecimento pelo corregedor da UFSC das denúncias na referida instituição. A CAPES solicitou acesso à apuração, mas não obteve resposta da corregedoria daquela universidade.

    Ao tomar conhecimento da existência de uma investigação no programa de bolsas da UFSC, a presidência da CAPES determinou, imediatamente, a estruturação de uma comissão para acompanhar o programa com visita no local e solicitação de documentação complementar.

    É importante ressaltar que a atual gestão aprimorou, por meio da Portaria n° 183/2016, a regulamentação das diretrizes para a concessão de bolsas no âmbito da UAB e retomou as visitas técnicas de verificação do programa. Já foram realizadas, só este ano, mais de 30 visitas e, até dezembro, estão programadas outras 10.

    Ao receber a Polícia Federal, nesta manhã, a CAPES prestou todos os esclarecimentos solicitados. Assim como colocou à disposição as informações sobre a oferta do programa na UFSC e concedeu acesso a todos os sistemas de acompanhamento e controle interno.

    A gestão atual da CAPES reafirma a intenção de contribuir com a investigação no sentido de que o programa cumpra rigorosamente o seu papel de formação e continua comprometida com a qualidade da formação dos alunos que estudam por meio da educação à distância na UFSC.

    Brasília – CCS/CAPES
    Fonte: http://www.capes.gov.br/sala-de-imprensa/noticias/8553-nota-de-esclarecimento

     


  • Administração Central emite nova Nota Oficial sobre operação da Polícia Federal

    Publicado em 14/09/2017 às 22:10

    NOTA OFICIAL

    Em razão da operação da Polícia Federal, executada na manhã desta quinta-feira, 14 de setembro, a Administração Central da UFSC manifesta que:

    Foi tomada por absoluta surpresa com a condução do Reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo, que no momento está acompanhado pelo Secretário de Aperfeiçoamento Institucional, Luiz Henrique Cademartori, na Superintendência da PF em Florianópolis;

    A Vice-Reitora, Alacoque Lorenzini Erdmann, encontra-se em missão no exterior, razão pela qual o Pró-reitor de Extensão, Rogério Cid Bastos, assume interinamente a Reitoria;

    A Administração Central tinha conhecimento dos procedimentos de apuração, conduzidos pela Corregedoria-Geral da UFSC sobre supostas irregularidades ocorridas em projetos executados desde 2006. Sempre mantivemos a postura de transparência e colaboração, no sentido de permitir a devida apuração de quaisquer fatos de modo a atender as melhores práticas de gestão.

    Por fim, aguardamos mais informações sobre a operação da PF para apresentar à comunidade universitária e à sociedade os esclarecimentos devidos.

    Florianópolis, 14 de setembro de 2017.

    Fonte: http://noticias.ufsc.br/2017/09/administracao-central-da-ufsc-emite-nota-oficial-sobre-a-operacao-da-policia-federal/


  • Edital para Assistente à Docência, polos de SC – Encerram-se hoje as inscrições

    Publicado em 01/09/2017 às 13:12

    Estão abertas, até 11/09/2017, inscrições ao Processo Seletivo Simplificado para provimento de vagas, em caráter temporário, de Assistente à Docência, para atuarem nos polos UAB/SC, conforme Edital 001/2017 IPES/SC.

    Objetivo: apoiar as atividades de ensino e de suporte ao acolhimento aos alunos, assegurar o atendimento aos estudantes, esclarecendo dúvidas, apoiando encontros acadêmicos, dentre outras atividades essenciais ao bom andamento dos cursos.


  • Secretário da SENAD defende uso de embasamento científico

    Publicado em 18/08/2017 às 11:06

    As políticas públicas no campo AD devem estar legitimadas em comprovações científicas. O alerta foi do Secretário Nacional de Políticas sobre Drogas (SENAD), Humberto Viana, durante o II Congresso Internacional de Prevenção dos Problemas Relacionados ao Uso de Drogas (Previne 2017), realizado entre os dias 6 e 8 de agosto, no Costão do Santinho, em Florianópolis. Essas comprovações, complementou, “precisam considerar fatores que possibilitem analisar os resultados”.

    A Secretaria de Ensino a Distância da Universidade Federal de Santa Catarina (SEAD/UFSC) foi uma das realizadoras do encontro. O tema foi “As várias faces da violência na relação com o uso de drogas”. Pesquisadores, acadêmicos, profissionais, gestores públicos e sociedade civil reuniram-se para compartilhar conhecimentos e experiências práticas e refletir acerca de vários aspectos: violência urbana (relacionada tanto ao tráfico de drogas quanto aos acidentes de trânsito), violência doméstica e interpessoal, desdobramentos como o encarceramento em massa, políticas de higienização e o conjunto de interfaces com a violência estrutural, como processos socioculturais, econômicos e políticos, que reproduzem e perpetuam desigualdades de gênero, sociais e étnicas, ligadas a vulnerabilidades psicossociais.

    Uma das preocupações foi evitar a reprodução de simplificações como a mera associação direta da violência decorrente do uso da droga, sem observar seus possíveis determinantes. Para isso, as discussões levaram em conta a complexidade da perspectiva de integralidade e intersetorialidade para identificar e atuar sobre os determinantes sociais que tornam alguns grupos mais suscetíveis à violência.

    Viana aproveitou a vinda a Florianópolis para conhecer as instalações da SEAD-UFSC, no centro da cidade. “O ensino a distância é ferramenta fundamental para capacitar as pessoas que trabalham em todo o território brasileiro na prevenção ao uso indevido de drogas”, observou.

     

    *Foto 1 – Abertura do Congresso PREVINE
    *Foto 2 – Reunião na SEAD/UFSC (Secretário da SENAD Humberto Viana, Prof. Gelson Albuquerque, Prof. Eleonora M. F. Vieira, Prof. Vladimir A. Fey, Diretor Cloves Benevides e Prof. Luciano Castro.)

  • Curso de Design de Jornais Impressos

    Publicado em 16/08/2017 às 21:00

    A Secretaria de Educação a Distância (SEAD) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em parceria com a Associação dos Jornais do Interior do Estado de Santa Catarina (ADJORI), realiza o Curso de Capacitação em Design de Jornais Impressos. O objetivo é treinar jornalistas, designers e diagramadores para tipografia, planejamento gráfico editorial e produção.

    Com material desenvolvido por professores da UFSC atuantes da área e certificação pelo sistema de certificação digital da UFSC, o curso vai de 10 de outubro a 20 de dezembro, na modalidade a distância. São 50 vagas e o custo é apenas o da inscrição, por R$ 400, (quatrocentos reais) sem mensalidades.

    A inscrição, aberta para o público em geral, pode ser feita neste link. Caso não haja número suficiente de inscritos, o valor pago será reembolsado pela Feesc.

    Contatos:
    Para inscrição: divfinan@feesc.org.br
    Para assuntos acadêmicos: Prof. Israel de Alcântara Braglia – israelbraglia@gmail.com
    Contato FEESC: Katia Batschauer – katia@fesc.org.br – 3231-4436
    Design de Jornais